OLHE QUE NÃO

olhequenao.wordpress.com

OS ALDRABÕES

Posted by * em 22/12/2013

Diz o aldrabão ainda-primeiro-ministro que os jovens portugueses que emigram fazem-no com o intuito de frequentarem pós-graduações e adquirir experiência de trabalho na sua área de formação. Mente! Mente e sabe que mente! A maior parte vai, pura e simplesmente, porque as políticas de direita estão a destruir o seu país, vai à procura de um qualquer emprego. E grande parte dos licenciados acabarão a lavar pratos ou lavar o chão.
Diz o aldrabão da desducação que os professores não querem ser avaliados e compara a avaliação estúpida que propõe com uma prova que um jornalista poderia ter de fazer para obter emprego. Este homem de negócios e negociatas, que passou a vida a depender de cunhas para os cargos que ocupou, mente! Mente e sabe que mente! Sabe que os professores passam a vida a serem avaliados e que estão contra esta estúpida prova pela mesma razão que estariam contra uma prova aplicada a um aluno do terceiro ano da faculdade para ver se deveriam ser reconhecidas as suas habilitações do…12° ano. Mente quando diz ao jornalista que a parva prova cratina é como uma prova de obtenção de emprego aplicada a um jornalista. Mente porque sabe que a sua prova idiota só poderia, no máximo, ser comparada a uma inimaginável prova de candidatura a… uma candidatura a um emprego e/ou a uma imbecil prova que um meio de comunicação aplicasse a um jornalista licenciado para saber se ele seria… licenciado. Em relação ao estúpido carácter da prova enquanto candidatura a uma candidatura estamos conversados. Quanto à comprovação das habilitações, qualquer jornalista digno mostraria, como prova da sua licenciatura, a… própria licenciatura, os documentos comprovativos da suas habilitações. O homem de negócios do ministério da deseducação apresenta uma absurda prova de candidatura a uma candidatura como uma prova de seleção. O “rigor” da cambada que está no governo é tal, que usam da demagogia e mentira mais abjectas e contam com o que há de menos inteligente e mais tótó na sociedade para apoio das suas políticas (apoio e poio, como no caso do Poio Maduro). Ao falarem, já só se dirigem aos tótós, contam com os tótós, apoiam-se única e ironicamente nos burros para “defenderem” o “rigor e a exigência”. Este governo mete nojo. Este governo fede . Este primeiro-sinistro dá vómitos. Este sinistro da deseducação, este homem de negociatas, cheira muito mal, cheira a podre.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: