OLHE QUE NÃO

olhequenao.wordpress.com

EM TEMPOS DE TGV, VAMOS RECORDAR SATYAJIT RAY

Posted by * em 24/02/2010

Uma resposta to “EM TEMPOS DE TGV, VAMOS RECORDAR SATYAJIT RAY”

  1. […] final do filme é coisa apenas ao alcance dos génios. (Satyajit Ray, que Jyoti Gomes já aqui recordou, ficou tão impressionado com ele que haveria de utlizar um dispositivo semelhante para o […]

Deixe uma Resposta para CORRO SEMPRE EM DIRECÇÃO AO MAR « OLHE QUE NÃO Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: